terça-feira, 21 de novembro de 2017

LENDAS VIVAS

NOSSO PEQUENO E GRACIOSO LUGAR.

            (Aspecto das antigas procissões em Alfredo Guedes - meados de 1940, mais ou menos.)

 LUGAR ESTE, QUE ABRIGOU LENDAS VIVAS COMO O "PEDRINHO DO GERALDÃO", FIGURA DE UMA VALENTIA DESVAIRADA, MOÇO BRIGUENTO DE ANTIGAMENTE. A FACA ERA SEMPRE SUA SOLUÇÃO. TEMIDO NOS BAILES E NOS BARES...
 LENDAS VIVAS COMO "CIDO ROSA", QUE ERA MESTRE EM ENTRAR NAS CASAS SEM SER NOTADO, QUE ROUBAVA PEQUENOS UTENSÍLIOS DOMÉSTICOS, ROUPAS DOS VARAIS E ATÉ CONSEGUIA SE ALIMENTAR EM ALGUMAS CASAS, FAZENDO SUA PRÓPRIA GULOSEIMA SEM QUE NINGUÉM PERCEBESSE... NEM JORGE AMADO TERIA CRIADO PERSONAGEM MELHOR!
 LENDAS VIVAS COMO O POLICIAL BABINE! FIGURA INESQUECÍVEL DE TODOS, QUE NUNCA DECLINOU DE SUA FUNÇÃO DE POLICIAL, QUE CUIDAVA COM AFINCO DE NOSSA POPULAÇÃO, E QUE TROUXE A SUA VEIA HEREDITÁRIA PARA SEUS DESCENDENTES, TANTO O FILHO COMO O NETO.  QUE ADORAVA OUVIR MÚSICAS ROMÂNTICAS NA VITROLA DA CASA DE MEU AVÔ, JOSÉ LOURENÇO DA SILVA! GARDEL EM VINIL!!!
 LENDAS VIVAS COMO PEDRO VENTURA, QUE NÃO SE CANSAVA DE CONTAR AOS 
QUATRO VENTOS QUE CRIAVA UM PORCO PARA RETIRAR TOUCINHO SEM PRECISAR MATA-LO! DIZIA QUE A GORDURA E A PELE SE REFAZIAM PARA QUE ELE SEMPRE PUDESSE RETIRAR MAIS!!!
 ALFREDO GUEDES NA QUAL LUIZ FRANCO, CONHECIDO COMO "LUIZ  MASCATE" IA VENDER SUAS ROUPAS.
 ALFREDO GUEDES DOS ANTIGOS BAILES, DA DONA CARMINHA DO ZÉ VICENTE, DA USANA BURANELLI, FILHA ILUSTRE, ESCRITORA E POETISA.

                                     Vista parcial do distrito de Alfredo Guedes

 DO LUIZ BELEI E DONA PALMIRA, DA DONA ROSA E DO LUIZ PORTADOR, DA MENINA Nadia R. Bacchi, DOS BOAVA, TURCARELLI, DOS SOUZA, DA PROFESSORA LINA BOSI, DA DIRETORA CECÍLIA MARINS BOSI, DO SEO GINO BOSI, DO GRANDE EMPREENDEDOR "ZÉ COCO" E SUA MÁQUINA DE BENEFICIAMENTO DE GRÃOS, DE DOMINGOS FERRAZ BUENO, DO DORETTO, DO SANTINHO VERNE E OUTROS TANTOS QUE PISARAM NOSSOS PARALELEPÍPEDOS...
 ALFREDO GUEDES NOSSA!!! É ISSO QUE SOMOS: LENDAS VIVAS QUE A MEMÓRIA IMORTALIZOU.

guardiadelendas.blogspot.com

 CÉLIA MOTTA

Nenhum comentário:

Postar um comentário